Constantemente encontramos nos rádios, sites, jornais escritos e televisionados, alertas sobre os golpes que crescem constantemente em nosso País e infelizmente, temos percebido também em nosso escritório, nos últimos meses, um grande número de amigos e clientes que também foram vítimas de golpes já amplamente divulgados.

O objetivo desta nota de hoje é o de aumentar a divulgação dos golpes que nossos amigos e clientes sofreram, aumentando o conhecimento geral e informar algumas dicas de prevenção.

A informação é nossa maior arma contra estes golpistas que se escondem através de telefones ou computadores e infelizmente estão acomodados com nosso falho sistema investigativo e também punitivo.

Todo golpista antes de tentar a abordagem com a vítima, teve acesso à alguma informação privilegiada, informação esta que nós mesmos podemos ter dado através de redes sociais ou anúncios, ou obtiveram por meios escusos e criminosos, adquirindo tais informações na “deep web” ou até aliciando funcionários de instituições que estamos vinculados como bancos, “SEM PARAR”, entre outras instituições.

Todo golpista também é muito bem treinado na arte da persuasão, portanto, nunca confie em ninguém. Infelizmente esta é a nossa realidade.

Se você foi vítima, primeiro, não se sinta envergonhado pois você não é culpado de existirem pessoas horríveis como estes golpistas e em segundo lugar, não deixe de registrar o seu boletim de ocorrência. Mesmo que só vire estatística, esta é nossa obrigação.

Vamos aos 3 principais golpes que percebemos:

CLONAGEM DE WHATSAPP – Neste tipo de golpe os criminosos invadem seu whatsapp e enviam mensagens para todos os seus contatos pedindo uma quantia emprestada por curto prazo. Quem não emprestaria um dinheiro pedido por alguém muito querido ou até um pai ou uma mãe ou um filho? Às vezes, até a vítima descobrir e conseguir avisar todos seus contatos, já é tarde.

Aqui o golpista irá se apresentar como alguém do Mercadolivre, OLX, sem parar, da sua agência bancária, do Ibope, do mercado que você faz compras “on line”, sempre de algum lugar que você tem ou teve algum vínculo, ele terá uma informação verdadeira e outra falsa e, para regularizar a suposta informação falsa ou para “validar a pesquisa”, irá lhe enviar um código normalmente por SMS (programa de envio de mensagem de textos do celular). A regra é: “-NUNCA PASSE PARA QUALQUER PESSOA UM CÓDIGO QUE TENHA CHEGO NO SEU CELULAR!”. Na dúvida, diga NÃO. Se for algo que você realmente está desconfiado e está precisando, vá pessoalmente resolver a questão.

Outra forma de evitar também este tipo de golpe é configurar o seu whatsapp, no campo ajustes/ conta/ “CONFIRMAÇÃO EM DUAS ETAPAS”. Com a confirmação em duas etapas, além deste código, o fraudador terá que ter a senha que você registrar, então, para cair no golpe, você terá que dar o código e também a senha, porém, se você está lendo este texto, com certeza não o fará.

GOLPE DO LEILÃO FALSO

Em última matéria que li a respeito, existiam mais de 800 (oitocentos) sites de falsos de leilões na internet, isso, em julho de 2020 e só no Brasil.

É fato que leilões verídicos e com procedência, tanto de automóveis quanto de imóveis podem ser uma ótima oportunidade de negócio, porém, já é necessária uma grande cautela quando o leilão é verdadeiro para não comprar “gato por lebre”, bem como, para o que parecia uma grande oportunidade não se tornar um grande estorvo.

Se você não está acostumado, principalmente em leilão de imóveis, recomendamos que você consulte sempre antes um advogado, com experiência, para lhe dar todas as dicas, sugestões, ensinar as estimativas de despesas futuras, custos para imissão na posse e tudo o mais que envolve este negócio a fim de que você faça sim uma ótima e consciente aquisição.

Não espeque que ao adquirir um bem por 50% a 70% do valor que vale irá acontecer sem algum trabalho. Isso não existe.

Para o leilão de automóveis, que são quase a totalidade dos sites falsos neste sentido, se você seguir algumas regras simples, não correrá o risco de ser lesado nem em um leilão verdadeiro e nem correr o risco de cair em um falso leilão.

A primeira dica é: SEMPRE VISITE O VEÍCULO. É indispensável que você ou alguém ao seu mando, possa ver o veículo o máximo possível e analisar a situação real em que o mesmo se encontra.

A segunda dica é: CONSULTE SE O LEILOEIRO É DEVIDAMENTE CADASTRADO nos órgãos oficiais.

A terceira dica é: CONSULTE TUDO O QUE PUDER SOBRE O VEÍCULO E ANTIGO PROPRIETÁRIO, AÇÕES PENDENTES ETC.

A quarta dica, caso você tenha conseguido arrematar o veículo, é que os depósitos SEMPRE SÃO REALIZADOS NA CONTA DO PRÓPRIO LEILOEIRO. Nunca em conta de terceiros!

Se ainda assim você cair no golpe do leilão falso, você tem poucas horas ou minutos para conseguir realizar o boletim de ocorrência e buscar um advogado para liminarmente conseguir evitar que o banco transfira ou permita o saque daqueles valores na conta. Após isso as suas chances são praticamente nulas de reaver o valor pago.

GOLPE DO MOTOBOY

Neste tipo de golpe que ficou conhecido por este nome, alguém se apresentará como sendo da instituição financeira na qual você possui conta, com muitos dados seus e até de seus gerentes, o que dará muita veracidade na ligação, com o objetivo de evitar uma suposta tentativa de fraude em suas contas ou cartões de crédito, pedirão que você coloque o seu cartão de débito e/ou crédito em um envelope lacrado e que um motoboy ou portador ou corrier estará prontamente indo ao seu imóvel para retirar o mesmo a fim de que o banco faça as investigações e apurações necessárias a fim de evitar qualquer dano à sua pessoa e principalmente, pegar as pessoas que estão tentando aplicar o golpe. Sim, eles terão também o seu endereço.

Acreditamos que neste tipo de golpe, tais informações pessoais da vítima devam sair de dentro da instituição financeira pois além de seu RG, CPF e endereço, muitas vezes, os golpistas até sabem dos seus gastos realizados no cartão de crédito ou conta corrente. Você por medo, pressa em evitar que possa aumentar o falso prejuízo que está tomando naquele momento ou até por intenção de vingança para que os alegados bandidos que o interlocutor lhe passou possam ser investigados e punidos, acaba entregando o cartão e inclusive, de alguma forma, por telefone ou até no próprio envelope, acabará dando a senha para eles. Eles vão dar algum jeito de que você informe a senha ou suposto código do cartão ou alguma outra informação que permitirá o uso destes cartões e quando você se der conta, já é tarde.

Na maioria destes tipos de golpe do motoboy, dependendo da forma em que ocorreu o golpe, nosso escritório poderá lhe ajudar a reaver os danos materiais junto à instituição financeira e evitar a compensação de parcelas futuras que estejam para serem compensadas em seu cartão das compras e gastos indevidamente realizados pelos golpistas, porém, como já dissemos, o objetivo é a prevenção, para que você não tenha todo este transtorno e gastos.

A prevenção sempre é o melhor remédio!

Categorias

Tecnologia

Compartilhe!

Veja também!

Ops! Parece que não há nada aqui.

Vamos falar!

Consulte nossa equipe experiente para obter soluções completas para suas questões legais.

Direito Civil e Empresarial Direito Imobiliário Direito do Consumidor Direito do Trabalho Direito Criminal Direito LGBTQIA+ e das minorias